quinta-feira, 21 de junho de 2007

Eu às vezes quero chorar


Eu às vezes quero chorar

Mas não tenho lágrimas no estoque

- Nossa...

- Por causa de dor física é?

- Ou tem dores internas?

Dores internas

- Quer me contar?

- Eu estou aqui.

Mesmo sem dor interna

Às vezes chorar faz bem

Mas nem sempre choramos por tristeza latente

Eu gostaria de chorar pra aliviar a alma que teve dor esses tempos

- Eu não sei o que é chorar a anos.

- Chorar é bom.

Então deveria chorar.

- Não consigo...

Antes eu chorava mais

Meu estoque acabou.

-Acho então que meu estoque também acabou.

É às vezes endureceu por causa do sal

- Risos

- Você está bem hoje?

não

Sabe qdo vc para de fumar, ou beber, ou quem se droga para de usar?

- sim

Eu estou assim, me desviciando de alguém.

- E esse vício machuca o coração?

muito

- E isso é bom?

Por ora não, mas vai ser.



Myrian Benatti

Um comentário:

Isolda disse...

Olá Myrian!
Q bom q vc gostou de eu ter posto no meu blog um poema seu... eu gosto desse tipo de texto...
Faço Letras e a literatura me encanta, me faz viajar nas linhas e entrelinhas!
abraços...
sua admiradora


Ps. Quero conhecer + trabalhos seus, li alguns aki e achei lindos, aliás perfeitos...

Bem vindo!!!

Seja sempre bem vindo
Quando ler meus textos ou dos meus amigos, comente.Suas palavras sempre serão bem vindas.Se não souber o que falar deixe um abraço, mas não faça comentários maldosos, estes vc guarde.Entre e fique a vontade, vc faz parte da família, dos amigos

Alma Encantada

Alma Encantada
sempre sorrindo!!!
Loading...

Marcadores

Quem sou eu

Minha foto
Sou poesia,sou procura, sou ilusão.

quem sou eu...

Desde mocinha eu escrevia poesias, cada vez que eu terminava uma paixão, eu fazia um poema, cada tristeza, alegria,cada olhar maroto.Acho que porisso me tornei uma poetiza, pq sempre estive apaixonada.As lágrimas que eu derramava se transformavam em sementes, em letras, em textos, em poemas.Ainda hoje faço isso, qdo estou triste com alguém eu escrevo uma poesia, cada poesia minha tem uma história.É como a semente que transformou em árvore.(MyrianBenatti)