segunda-feira, 25 de junho de 2007

Sentir...


Escrever sobre a felicidade

é como ouvir o som da gota

quando cai no chão.

Não se escreve sobre ela

vivencia-se.







Myrian Benatti

quinta-feira, 21 de junho de 2007

Eu às vezes quero chorar


Eu às vezes quero chorar

Mas não tenho lágrimas no estoque

- Nossa...

- Por causa de dor física é?

- Ou tem dores internas?

Dores internas

- Quer me contar?

- Eu estou aqui.

Mesmo sem dor interna

Às vezes chorar faz bem

Mas nem sempre choramos por tristeza latente

Eu gostaria de chorar pra aliviar a alma que teve dor esses tempos

- Eu não sei o que é chorar a anos.

- Chorar é bom.

Então deveria chorar.

- Não consigo...

Antes eu chorava mais

Meu estoque acabou.

-Acho então que meu estoque também acabou.

É às vezes endureceu por causa do sal

- Risos

- Você está bem hoje?

não

Sabe qdo vc para de fumar, ou beber, ou quem se droga para de usar?

- sim

Eu estou assim, me desviciando de alguém.

- E esse vício machuca o coração?

muito

- E isso é bom?

Por ora não, mas vai ser.



Myrian Benatti

sexta-feira, 15 de junho de 2007

Banco Vazio


Vazio...
O banco está vazio.
Quem sentava nele desapareceu
Sumiu do mapa
Evaporou-se.
Silencio no pátio
Palavras pairadas no ar
Evaporam-se.
Parado
Olhos parados
Num canto qualquer,
Pensamento inacabado
Incerteza de vida
Na certeza de viver.
No canto da boca
Um sorriso triste
O vento bate
E volta
No banco vazio
.
.
.

Vazio...


Myrian Benatti



obs:
esse poema foi feito pra um amigo que estudou comigo em Bauru, seu nome é Cassio, escrevi em 1977, há 30 anos atrás.
A memória falha, não sei se escrevi pq ele faleceu ou pq ele foi embora.

quarta-feira, 13 de junho de 2007

Às vezes falo ao vento


Às vezes falo ao vento


Às vezes falo ao vento, mas mesmo o vento não leva minha voz até você?
Às vezes falo ao coração, palavras mansas, para que o ritmo de sua batida não descompasse.
Às vezes falo ao riacho, no murmúrio da água, das pedras, soa o eco de minha voz.
Ás vezes escondo-me nas árvores, que balançam com o vento,
Ouço sons sibilando ao meu ouvido,
Às vezes paro,
Fico quieta.
Concentro-me...
Fecho meus olhos.
Tento ouvir cada palavra, cada murmúrio, cada som...
Mesmo estando num local movimentado...
Posso ouvir até o balé das folhas,
O riacho que desce,
As palavras que misturam,
À batida descompassada de meu coração.



Myrian Benatti
obs:
O quadro foi pintado por mim.

segunda-feira, 11 de junho de 2007

Toquei o chão...


Toquei o chão,

não com a mão,

com a alma.

Não senti calma.

Perdida,

não me achei.

Desiludida...

Ali prostrada,

não pensei.

Onde tinha estrada,

cansei.

Sem sentimentos,

Fiquei....



Myrian Benatti

domingo, 10 de junho de 2007

Existem Almas Gêmeas?


De acordo com a Kabbalah, sim. Antes de virem para este planeta, os aspectos femininos e masculinos da alma eram unidos. Quando vieram para este mundo, e não vieram necessariamente ao mesmo tempo, o masculino e o feminino se separaram, criando assim o conceito de almas gêmeas, que são almas que se complementam totalmente.
O casamento entre almas gêmeas é muito raro, e podemos dizer que atualmente, 90% dos casamentos são processos de correção. Antes de se reunir a sua alma gêmea, é necessário que cada pessoa encontre o seu caminho espiritual, seja ele qual for, e trabalhe para o seu crescimento individual. Só então é que terá o mérito de encontrar sua alma gêmea, para reunir-se a ela e continuarem juntos o seu trabalho espiritual.
Por esse motivo são necessários os casamentos entre pessoas que não são almas gêmeas, e são muitos os aspectos pelos quais os parceiros podem ser necessários um ao outro, até que chegue o momento apropriado para a reunião com a alma gêmea. Podemos até ter um bom casamento, termos bons filhos, sermos felizes nesse relacionamento, sem significar que este seja o encontro com nossa alma gêmea. Pode se passar muitas vidas sem que se encontre a alma gêmea, até que o homem e a mulher alcancem o nível de consciência espiritual para se reconhecerem, e no momento propício, o encontro acontecerá.
Em geral, almas gêmeas são pessoas bastante diferentes, com criação e educação distintas, e dificilmente são pessoas que se conhecem desde pequenas. Normalmente, são pessoas que viveram por tempos distantes uma da outra, ou até próximas, mas sem se conhecerem até o momento do encontro.
Geralmente são aqueles relacionamentos que parecem impossíveis de dar certo, e muitas vezes o casal enfrenta muitas dificuldades para poderem ficar juntos. Mas apesar das diferenças, gostos e necessidades individuais, existem grandes semelhanças e afinidades em termos de ideologias e objetivos de vida. Há entre eles uma habilidade quase telepática, o que é a pista mais evidente de que se trata de almas gêmeas.
Entretanto, um casamento entre almas gêmeas não significa que seja perfeito, que não haja discussões e problemas a serem enfrentados. Tudo faz parte do processo de crescimento individual ou do casal. Quando se encontra a alma - gêmea sem ainda ter completado o tikun (correção), o relacionamento ainda não é perfeito. Mas uma parte de nosso tikun (correção) só pode ser realizada junto com a nossa alma gêmea. Essa é a razão pela qual existe o divórcio no judaísmo. Se uma pessoa casada encontrasse sua alma gêmea e não existisse o divórcio, seu parceiro teria que morrer para que ela pudesse se reunir a sua alma - gêmea, já que esse encontro é muito forte e tem que acontecer de qualquer jeito. Mais do que a plenitude do casal, o encontro das almas - gêmeas ocorre por uma causa maior, em benefício do universo, por isso esse encontro é tão necessário e poderoso.


Rabino Joseph Saltoun

----------------------------------

RAZÃO X EMOÇÃO
Ninguém jamais conseguiu explicar como foram criadas as almas gêmeas, mas eu me lembro bem dessa história.Estavam lá no céu, todas as almas, umas eram somente razão, outras somente emoção, duas filas distintas.Finalmente chegou a minha vez de ser colocada em uma das filas. Olhei para ambas e me identifiquei com a da razão, acontece porém, que quando avistei você na da emoção, meus olhos brilharam, foi como se fosse um imã a me puxar.Aproximei-me do criador e lhe disse:- Eu gostaria de ficar na fila da emoção, pode ser? É que existe uma doce alma lá, que me encantou!"Está bem", me falou Ele, "Você até poderá escolher seu lugar, mas antes quero lhe explicar algo, depois então você fará a sua opção. Existem almas que são gêmeas, tudo nelas é igual, a única diferença que eu coloquei foi a razão e a emoção, justamente para que elas possam se completar, é como se fosse um encaixe. Possuo uma grande percepção para distinguir as almas gêmeas e por isso entendi, que aquela que se encontra ali na fila da emoção, é a sua (falou apontando para você) daí querer te colocar na da razão. Caso vocês fiquem juntas, o encanto das almas gêmeas se acabará, ao passo que se ficarem separadas, ele permanecerá. No entanto, devo lhe contar algo, as almas gêmeas, nem sempre se encontram, porem vivem sempre unidas pelo coração e por elas próprias. Por outro lado quando se encontram, jamais se separam, nem mesmo eu consigo executar esse afastamento".Entendi naquele momento que a razão não sobrevive sem a emoção, e a emoção por sua vez, precisa da razão para viver.Nesse instante fiz a minha escolha: Prefiro a fila da razão!Encaminhei-me para o meu lugar, me posicionei e nesse mesmo instante, você, que não tinha ate então percebido a minha presença, olhou-me e sorriu!Hoje, eu sou a razão, você a emoção, eu te dou o chão e você me leva a lua. Hoje, eu entendo o que o criador quis me dizer com:.....é como se fosse um encaixe. Hoje, eu sou a razão correndo atrás da emoção e você a emoção pedindo aos céus que eu possa pertencer a mesma fila que você....mas o que você não sabe é que fui eu mesma quem escolheu o meu lugar, só para ser a sua alma gêmea. ....O que você não sabe é que mesmo antes de pertencer a qualquer uma das filas, eu já te amei.Quando voltarmos para o lado de lá, você há de entender tudo isso e se eu puder escolher uma das filas novamente , eu ainda vou querer ficar separada de você. A única diferença é que escolherei a fila da emoção para sonhar como você sonhou e que você fique na da razão para entender como eu sofri! (Texto de Silvana Duboc)

----------------------------------

ALMAS GÊMEAS
Letícia Thompson
Almas gêmeas não são duas metades iguais, mas duas metades diferentes que se completam.
Existe muita gente sozinha no mundo, justamente porque essas pessoas procuram a outra metade igual a elas, ou seja, o reflexo de si. Ora, pra achar a outra metade de si mesmo é suficiente se olhar no espelho.
Diz-se de modo carinhoso que o outro é a metade da sua maçã.
E eu já percebi que muitas vezes a outra metade da maçã é mais tortinha, sem jeito, menos bonita... mas ainda assim a metade daquela maçã. E por que na vida não poderia ser assim? Que a outra metade seja diferente, que não tenha exatamente os mesmos gostos, nem talvez a mesma formosura, mas que tenha aquele quê que nem sabemos explicar e nenhuma outra metade vai se encaixar de forma tão harmoniosa para formar um todo tão perfeito com a gente.
Quem já não encontrou casais desencontrados? Um grande, o outro pequeno; um feio, o outro bonito; um bem mais jovem, o outro mais vivido; um tímido, o outro extrovertido... e assim pela vida a fora. E nos perguntamos intimamente o que os mantêm juntos. Mas se pensarmos mais profundamente nessa questão chegaremos a conclusão que são essas sim, as almas gêmeas.
Dois seres diferentes, mas se amando o bastante para superar as diferenças, viver e conviver com elas e apesar delas, contra todo pensamento, contra todo questionamento, contra toda opinião alheia.
O papel da alma gêmea é completar os vazios, preencher os vácuos, enriquecer onde o outro tem necessidade... é um dar e receber que só envolve os dois.
A alma gêmea é o complemento do outro, não sua extensão.
Quem corre atrás da sua sombra vive eternamente insatisfeito, eternamente à procura. Mas aquele que abre os olhos e, principalmente, o coração, pode perceber que sua alma gêmea encontra-se do lado. É preciso se estar atento aos sinais que não enganam para o encontro com aquela pessoa que poderá ser nossa companheira na jornada da vida.
Se o amor te acenar, não diga não de imediato só porque ele chegou diferente do que você esperava.
Não se esqueça que por detrás dessa nossa capa humana existe uma alma.
Se no seu caminho uma outra alma completar a sua, independente da aparência física, independente até de tudo aquilo que você sonhou, você vai ter encontrado a sua metade, seu amor, seu quinhão de felicidade.

sexta-feira, 1 de junho de 2007

Amor Pela Metade





Amar pela metade
Ainda não é amar
É apenas estar na espera
de ser amada
para poder amar sossegada

Amar pela metade
É estar presa nas intenções
sentindo medo das emoções
É ainda querer dominar o coração

Amar pela metade
é inventar meio amor
É ainda
querer dividir
querer somar
e subtrair amor

Amar pela metade
é impedir o amor
de ser sentido
de ser saboreado
de ser vivido

Pois o amor
só pode e deve ser amor
se amor por inteiro!

(Sandra Lúcia Ceccon Perazzo)

Regressar





Regressar sem ter partido
É não ter necessidade
de procurar na memória o roteiro
É sentir a mesma emoção
É querer bem na mesma dimensão
É deixar pulsar o coração
com as mesmas canções

Regressar sem ter partido
É amar mais ainda
quem queria ter esquecido
É sentir a dor
É ter o coração partido
É ter o olhar pedindo
um pouco só do teu amor

Regressar sem ter partido
É ter retornado
ao ponto de partida
É ter ficado perdida
É não ter recebido
É estar sentada com
as mãos cruzadas
É não ter feito nada
É ficar sentida

Regressar sem ter partido
É estar assim
Disfarçando serenidade
Fingindo tranquilidade
É ter a alma doente
É ser só tristeza
É sentir a tua frieza

Regressar sem ter partido
É estar sozinha comigo mesma
no mesmo caminho
É ouvir eco de voz distante
É ter nos lábios o gosto constante
do sabor permanente
do teu beijo ausente

Regressar sem ter partido
É apenas não ter ido
É apenas não ter partido
É apenas ter ficado...

Sperazzo
(Autora)
Sandra Lúcia Ceccon Perazzo

Bem vindo!!!

Seja sempre bem vindo
Quando ler meus textos ou dos meus amigos, comente.Suas palavras sempre serão bem vindas.Se não souber o que falar deixe um abraço, mas não faça comentários maldosos, estes vc guarde.Entre e fique a vontade, vc faz parte da família, dos amigos

Alma Encantada

Alma Encantada
sempre sorrindo!!!
Loading...

Marcadores

Quem sou eu

Minha foto
Sou poesia,sou procura, sou ilusão.

quem sou eu...

Desde mocinha eu escrevia poesias, cada vez que eu terminava uma paixão, eu fazia um poema, cada tristeza, alegria,cada olhar maroto.Acho que porisso me tornei uma poetiza, pq sempre estive apaixonada.As lágrimas que eu derramava se transformavam em sementes, em letras, em textos, em poemas.Ainda hoje faço isso, qdo estou triste com alguém eu escrevo uma poesia, cada poesia minha tem uma história.É como a semente que transformou em árvore.(MyrianBenatti)