segunda-feira, 17 de março de 2008

Caro amigo virtual




Caro amigo que conheço apenas virtualmente por mensagens sem entrar no msn, a você quero agradecer suas mensagens, e dizer que às vezes penso em trazê-lo até meu convívio de msn, mas lá depois que eu add as pessoas parece que minha pessoa muda, então para me proteger e te proteger prefiro que vc fique onde está, apenas em mensagens.
Porque será que mudo tanto?
Porque depois que add alguém penso que eles sejam meus e passo a tratá-los como se eu fosse prioridade? Claro não conseguindo ser o primeiro lugar perco o amigo tão rápido como consegui.
Às vezes quero que a pessoa entre e assim possamos conversar com mais freqüência, só que eu não sei lidar com a concorrência, às vezes está com alguém em um assunto e eu o vejo on-line e penso que não quer conversar comigo, passa mil coisas em minha cabeça, que lhe fiz algo que não agradou, ou então eu percebo que aprontei , pq.depois de um tempo eu acabo aprontando mesmo, este é o meu mal.
Penso que a pessoa me pertence.
Gostaria de ser importante, mas não sou e não é falta de estima, sou apenas uma pessoa a mais na lista.
Porque lhe escrevo esta carta?
Nem mesmo sei, adoro escrever, e sei que você lê o que eu escrevo, e qdo gosto de uma pessoa a maneira que tenho que presenteá-la é escrevendo diretamente a ela, ou um poema, ou uma carta, uma poesia ou até um adeus.
Quando mais jovem eu paquerava e qdo esta paquera terminava às vezes eu mandava um poema dando adeus, era a forma de dizer amei você e vc nem percebeu.
Fui louca?
Acho que sim.
Já mandei carta, já fiz poemas, poemas encomendados, poemas sensuais, poemas para amigos, para marido, para irmã, para filhos, mas só escrevo pra quem eu gosto ou admiro.
Se neste momento lhe escrevo é porque vc faz parte desta maioria, das pessoas que eu gosto.
Por gostar de vc quero que sempre permaneça no anonimato, para que eu nunca o perca com as minhas manias.
Não sei se você é jovem ou velho, teve uma época que eu tive interesse, mas depois me contive e deixei a curiosidade de lado, porque no momento que eu souber tudo, você entra na lista da exclusividade e eu não quero lhe perder como amigo maravilhoso que tem sido até hoje.
Para mim o importante é você estar sempre presente.
Um beijo


Myrian Benatti

Luta travada


Hoje estou me sentindo bem, não um bem feliz, mas um bem morno.
Não sei se me faço entender, sinto como se eu tivesse saído de um quarto escuro e ido pra luz, meio tonta, sem enxergar ainda o dia lá fora.
Tudo o que eu lutei esses dias voltou ao seu normal.
Normal?
Estou me sentindo normal?
Senti-me estranha como se pisasse em ovos, eufórica eu diria com o resultado da luta que travei nesses dias, mas tenho o gosto do fel na boca, talvez pelo cansaço da eterna luta, talvez pelo resultado não ter sido como eu esperava.
O dia do ontem embora sendo passado e ele me trouxesse uma esperança que eu não tenho hoje, a realidade tomou conta da ilusão e dos sonhos que eu tive.
Ele voltou e fez suas condições para ficar, isso consumiu todas as minhas forças.
Para te-lo eu teria que vergar a sua vontade.
Até agora estou paralisada sem saber o que fazer.
Esses dias da sua ausência eu me perdi dentro do universo que construí, as luzes se apagaram e o mundo ficou cinza.
Agora como um arco-íris todas as cores voltaram ao céu, estou sentada olhando pra este universo e admirando as cores belas que se formaram, mas meu rosto estampa a seriedade dos meus olhos, eles deixaram de sorrir.
Serei eu mesma incompleta se me vergar a sua vontade,
Serei eu mesma incompleta se ele for embora de novo.
Diante de duas metades incompletas preciso achar um meio de me ajustar a essa nova situação.
E nesse dia eu posso dizer que estarei completa, porque nesse dia encontrei a minha própria autonomia.


Myrian Benatti

Bem vindo!!!

Seja sempre bem vindo
Quando ler meus textos ou dos meus amigos, comente.Suas palavras sempre serão bem vindas.Se não souber o que falar deixe um abraço, mas não faça comentários maldosos, estes vc guarde.Entre e fique a vontade, vc faz parte da família, dos amigos

Alma Encantada

Alma Encantada
sempre sorrindo!!!
Loading...

Marcadores

Quem sou eu

Minha foto
Sou poesia,sou procura, sou ilusão.

quem sou eu...

Desde mocinha eu escrevia poesias, cada vez que eu terminava uma paixão, eu fazia um poema, cada tristeza, alegria,cada olhar maroto.Acho que porisso me tornei uma poetiza, pq sempre estive apaixonada.As lágrimas que eu derramava se transformavam em sementes, em letras, em textos, em poemas.Ainda hoje faço isso, qdo estou triste com alguém eu escrevo uma poesia, cada poesia minha tem uma história.É como a semente que transformou em árvore.(MyrianBenatti)