segunda-feira, 19 de abril de 2010

Escalando Montanhas


Lendo um artigo de Lya Luft sobre os filhos do lixo fiquei pensando na seguinte frase:


“Gravei a tristeza, a resignação, a imagem das crianças minúsculas e seminuas, contentes comendo lixo. Uma cuidando do irmãozinho menor, que escalava a montanha do lixo. Criadas, como suas mães, acreditando que Deus queria isso”.


Porque falo isso e mostro essa reportagem?


Há muito tempo não entrava em uma sala de bate papo, não tinha tempo e pouca vontade. Tinha esquecido como era a sordidez de homens (não todos) que entram em salas, falo não todos, mas a maioria não vai lá apenas pra conversar papo furado. Entrei como sempre, usei o codinome de jovem senhora, pq não sou jovem nem velha, mas este nome me convém, como sou casada e estava afim de um bom papo entrei em salas diversas. Quando um homem começa o papo, diz que esta lá porque esta solitário e o papo podem ser agradáveis, mas logo quer saber sua fisionomia, que importa saber como a pessoa é por fora se nunca vai conhecer? Começa falando pequenas pornografias, como se todas as mulheres que vão numa sala de bate papo vão somente com esse propósito. Temos que sair de sala em sala procurando pessoas agradáveis que a conversa pode fluir um assunto interessante, é como jogar no lixo tudo de bom que a gente tem.
Fico pensando que ao procurar amizades virtuais em salas de bate papo se não estamos escalando montanhas de lixo para no fundo encontrar uma fruta que alguém jogou por engano, uma fruta não estragada. Se encontramos tem que pegar como se fosse um tesouro e rezar pra Deus para que nada estrague tão bela amizade.




Myrian

Um comentário:

jefhcardoso disse...

Olá Myrian! Esta semana estou divulgando uma “nova” postagem. Trata-se de um conto; que na verdade vem a ser uma reedição de meu blog. Sua postagem original ocorreu em 13.02.09; sendo esta a minha terceira postagem no blog. Naquela ocasião este texto não recebeu nenhum comentário. O texto é “O Sr. e o Dr.”. Espero que você, tendo um tempinho, o aprecie.
Um grande abraço, minha gratidão antecipada!

Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com

Bem vindo!!!

Seja sempre bem vindo
Quando ler meus textos ou dos meus amigos, comente.Suas palavras sempre serão bem vindas.Se não souber o que falar deixe um abraço, mas não faça comentários maldosos, estes vc guarde.Entre e fique a vontade, vc faz parte da família, dos amigos

Alma Encantada

Alma Encantada
sempre sorrindo!!!
Loading...

Marcadores

Quem sou eu

Minha foto
Sou poesia,sou procura, sou ilusão.

quem sou eu...

Desde mocinha eu escrevia poesias, cada vez que eu terminava uma paixão, eu fazia um poema, cada tristeza, alegria,cada olhar maroto.Acho que porisso me tornei uma poetiza, pq sempre estive apaixonada.As lágrimas que eu derramava se transformavam em sementes, em letras, em textos, em poemas.Ainda hoje faço isso, qdo estou triste com alguém eu escrevo uma poesia, cada poesia minha tem uma história.É como a semente que transformou em árvore.(MyrianBenatti)