quinta-feira, 30 de outubro de 2008

TEMPESTADE DE AREIA


Olá,
Hoje eu queria lhe fazer algumas perguntas.
Fiquei um tempo sem lhe escrever, estava sem vontade e sem recursos espirituais porque você sabe, que até para escrever precisa-se ter a luz e eu estava em plena escuridão.
Mas hoje, depois da tempestade não sei se você viu o céu, todo coberto daquela areia marrom que entrou em todas as moradas.
Eu percebi que ainda não te conheço.
Durante todo esse tempo que nos conhecemos, tanta troca de amores e de ressentimentos, poesias e de insultos, alegrias e tristezas, beijos e caras fechadas, eu me perguntei quem é você.
Quem é você afinal?
Do que gosta?
Quais suas musicas preferidas, seus músicos.
Seus poetas, escritores,
Qual sua comida,
O que você gosta de fazer?
Não que eu nunca soube, sempre soube.
Você pode se perguntar, o que está acontecendo comigo se eu estou te estranhando, te confundindo com alguém, não é isso, é como o que acontece com a tempestade quando ela vem, varre tudo o que é de bom e ruim e deixa apenas rastros.
Nós tivemos tantos momentos e neles trocamos o que tínhamos, mas crescemos, amadurecemos, esquecemo-nos de compartilhar as novas experiências, as novas conquistas e hoje quando ouvi as músicas do nosso passado fiquei me perguntando, que música você gosta hoje.
Se eu tivesse que te dar um presente eu não saberia mais o que te dar, iria errar com certeza e você iria jogar dentro de uma gaveta e diria que gostou, sem ao menos abrir uma segunda vez.
Por onde andamos, que caminhando lado a lado pegamos tanto caminhos diferentes e nem percebemos?
Espero que você possa responder e se tiver perguntas a meu respeito faça que eu te respondo, porque eu também mudei.

Beijos...



Myrian Benatti
imagem tirada do google
uma tela de Salvador Dali

Nenhum comentário:

Bem vindo!!!

Seja sempre bem vindo
Quando ler meus textos ou dos meus amigos, comente.Suas palavras sempre serão bem vindas.Se não souber o que falar deixe um abraço, mas não faça comentários maldosos, estes vc guarde.Entre e fique a vontade, vc faz parte da família, dos amigos

Alma Encantada

Alma Encantada
sempre sorrindo!!!
Loading...

Marcadores

Quem sou eu

Minha foto
Sou poesia,sou procura, sou ilusão.

quem sou eu...

Desde mocinha eu escrevia poesias, cada vez que eu terminava uma paixão, eu fazia um poema, cada tristeza, alegria,cada olhar maroto.Acho que porisso me tornei uma poetiza, pq sempre estive apaixonada.As lágrimas que eu derramava se transformavam em sementes, em letras, em textos, em poemas.Ainda hoje faço isso, qdo estou triste com alguém eu escrevo uma poesia, cada poesia minha tem uma história.É como a semente que transformou em árvore.(MyrianBenatti)